Bebê novo em casa: dicas para apresentar o cão ao novo integrante da família

Sua família tem um novo integrante? Então é necessário ter alguns cuidados e muita atenção com seu pet, afinal de contas, ele ganhou um novo concorrente pela atenção.

Nós já sabemos que a convivência entre crianças pequenas e cães faz muito bem, trás benefícios para todos, principalmente no desenvolvimento da capacidade de socialização.

Para que tudo isso ocorra de forma saudável você precisa tomar alguns cuidados com os pets, isso tudo desde o início da gravidez. Muita gente não dá a devida atenção a isso e depois acaba tendo problemas que poderiam ter sido evitados.

Bebê vs PET

Cão x baby

É importante ter algumas adaptações na casa, isso deve ser feito aos poucos, até para que o pet não estranhe as mudanças até a chegada do bebê, você precisa já ir inserindo o seu cãozinho, por exemplo, nas novas rotinas que estarão por vir.

É comum após o nascimento do bebê deixar o pet para fora de casa, ou privar ele de alguns locais, isso porque ele sempre teve acesso a tudo e já estava acostumado, isso precisa ser feito aos poucos para ele não achar que o bebê trouxe apenas coisas negativas.

Conforme monta o quarto do bebê permita que o seu cãozinho tenha acesso, fareje, acostume-se com o ambiente e a presença no local. Torne ele parte desse processo de mudança na família.

Os cães sentem quando algo esta mudando, principalmente se for com a “mãe” deles, permita que ele acompanhe a gravidez de perto, cheire, chegue perto da barriga.

Procure integrar ele ao máximo, por exemplo, a alimentação dele próximo a horários que o bebê irá se alimentar, crie uma nova rotina.

Assim que o bebê nascer pegue algum pano com o cheiro da criança e deixe onde o cachorro costuma ficar como na caminha dele ou no local onde ele come, isso ajudará a sentir mais segurança e acostumar com a nova situação e se ambientar.

Procure deixar que o seu cão se aproxime quando estiver fazendo atividades com o bebê, ele precisa se enturmar e entender que quem chegou não é seu concorrente.

Não deixe de dar atenção ao seu pet, ele percebe essas coisas. Procure adicionar as crianças na rotina de cuidados dos pets, isso mesmo. Isso ensinará as crianças na socialização, no senso de responsabilidade e criará uma amizade maior entre eles.

Você pode começar com rotinas simples como dar comida e passear, depois como tempo poderá ensinar a dar banho entre outras coisas. Mas lembre-se, atividades sempre com supervisão.

O bebê pode ser o melhor amigo do seu pet!

Melhor amigo do pet

Com o tempo todos se acostumam e vira rotina, o animalzinho nem sentirá diferença em dividir a atenção em casa.

Em algum momento pode acontecer de haver desentendimento, mas não se preocupe, assim como entre irmãos e na família isso também acontece.

Pode ser com gestos simples desde mexer na vasilha do cachorro, ou um empurrão sem querer, ou até mesmo nos brinquedos, esse tipo de ação pode representar uma ameaça para o cãozinho, portanto é necessário respeitar o espaço do pet, assim como gostamos ele também exigi isso.

No final o bebê será bem recebido e toda a família incluindo o pet ficarão felizes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *