Como cuidar de seu filhote de cão

Filhotes são, sem dúvida, algumas das coisas mais adoráveis do planeta. E adotar um novo cachorro, no entanto, não é nenhum passeio no parque e precisa ser levado à sério para evitar transtornos no futuro. Por isso, separei um guia que vai ajudar você a saber como cuidar de seu filhote de cão.

Um cachorro não precisa só de carinho

Quando chega a hora de finalmente trazer seu filhote de cachorro para casa pela primeira vez, você pode muito bem contar com três coisas: alegria desenfreada, limpeza dos acidentes do seu cachorro e um ajuste grande no estilo de vida. Como você logo vai aprender, um cachorro em crescimento precisa muito mais do que uma tigela de comida e um lugar para descansar. E embora possa parecer muito trabalho inicialmente, vale bem a pena o esforço se realmente você gosta de cachorro. E para começar você primeiro deve:

Encontre um bom veterinário

É o primeiro lugar que você e seu filhote devem ir juntos, direto para o veterinário para um check-up. Esta visita não só ajudará a garantir que seu filhote de cachorro é saudável e livre de problemas de saúde graves, defeitos de nascimento, etc, ele também vai te ajudar a dar os primeiros passos em direção a uma rotina de boa saúde preventiva. Se você não tiver um veterinário, peça recomendações de amigos. Se o seu cão é de um abrigo, peça indicação de um bom veterinários.

Aproveitar ao máximo a sua primeira visita ao veterinário

Peça ao seu veterinário quais alimentos de cachorro é recomendado, quantas vezes deve dar o alimento e qual é o tamanho da porção para dar para seu cachorro.

Monte um plano de vacinação de seu cão com seu veterinário. Pergunte quais são as opções seguras para controlar parasitas, externas e internas. Pergunte também sobre quais são os sinais de doença para observar durante os primeiros meses do seu cachorro. Pergunte sobre quando você deve castrar seu cão.

Loja de alimentos de qualidade

O corpo do seu cachorro está crescendo e é por isso que você precisa selecionar um alimento que seja formulado especialmente para filhotes, ao contrário dos cães adultos. Procure por marcas que vão garantir que a comida que você escolher irá atender necessidades nutricionais do seu filhote. Certifique-se de que seu cachorro tenha água fresco e em abundancia disponíveis em todos os momentos, no entanto isso não vale para o alimento. Por isso separei uma tabela com as várias vezes que se deve oferecer alimento para os cães e você aprenda todos os cuidados com seu filhote.

Alimentar várias vezes ao dia:

Idade 6-12 semanas – 4 refeições por dia

Idade de 3-6 meses – 3 refeições por dia

Idade 6-12 meses – 2 refeições por dia

Estabeleça uma rotina de fazer xixi e cocô

Os cachorros não aceitam bem usar fraldas, o que normalmente é a prioridade na lista dos proprietários de filhote de cachorro. Segundo os especialistas, seus aliados mais potentes na hora de ensinar seu filhote de cachorro são paciência, planejamento e abundância de reforço positivo. Além disso, provavelmente não é uma má ideia criar um plano de batalha com panos de limpeza e jornais no lugar escolhido, porque acidentes acontecem.

Até que seu cachorro tenha tomado todas as suas vacinas, não é aconselhável sair para passear ao ar livre. Isso ajuda a reduzir a propagação do vírus e as doenças de outros cachorros e animais. Certifique-se de dar um monte de reforço positivo sempre que seu filhote conseguir fazer xixi e cocô no lugar certo.

Saber quando tirar seu filhote de cachorro para fazer xixi e cocô é quase tão importante quanto elogiar sempre que ele eliminar ao ar livre. Aqui está uma lista de momentos mais comum para levar seu cachorro para o banheiro.

  • Quando você acordar.
  • Bem antes de dormir.
  • Imediatamente depois que seu cachorro come ou bebe muita água.
  • Quando seu cachorro acorda de uma soneca.
  • Durante e após a atividade física.

Tenha cuidados com seu filhote já nos primeiros sinais da doença

Para os primeiros meses, filhotes são mais suscetíveis à súbitos surtos de doenças que podem ser graves se não pego nas fases iniciais. Se você observar qualquer um dos seguintes sintomas em seu filhote de cachorro, é hora de entrar em contato com o seu veterinário.

  • Falta de apetite
  • Ganho de peso
  • Vômitos
  • Inchaço do abdome (doloroso)
  • Letargia (cansaço)
  • Diarreia
  • Dificuldade em respirar
  • Chiado ou tosse
  • Gengivas pálidas
  • Olhos inchados, vermelhos ou um extravasamento de lágrima no canto do olho
  • Secreção nos olhos em excesso
  • Corrimento nasal
  • Incapacidade de urina ou defecar

Ensinar a obediência

Ensinando boas maneiras para seu cachorro, você vai definir seu filhote para uma vida de interação social positiva. Além disso, treinamento de obediência vai ajudar a forjar uma ligação mais forte entre você e seu cachorro.

Ensinar seu cachorro a obedecer a comandos como senta, fica, para baixo vai não só impressionar seus amigos, mas esses comandos ajudará a manter seu cão seguro e sob controle em quaisquer situações potencialmente perigosas. Muitos proprietários de adestramento para cachorro percebem que as aulas de obediência são uma ótima maneira de treinar tanto o proprietário como seu cão. As aulas começam normalmente aceitando filhotes com idade de 4 a 6 meses.

Dica: Mantenha o reforço positivo, como pequenos petiscos, provou ser muito mais eficaz do que a punição.

Ser sociável

Assim como o treinamento de obediência, socialização adequada ajuda a evitar problemas de comportamento. Em aproximadamente 2 a 4 meses de idade, a maioria dos filhotes começam a aceitar outros animais, pessoas, lugares e experiências. Aulas de socialização são uma excelente maneira de acumular experiências sociais positivas com seu cãozinho. Apenas certifique-se de perguntar a seu veterinário sobre que tipo de interação é melhor nesta fase.

Apesar de muito dizerem que treinar um cão é muito fácil existem pessoas que não conseguem fazer sem um acompanhamento profissional até para aprender como se portar em determinadas situações. Se você é uma dessas pessoas conheça o Programa Digital Feliz pra Cachorro que tem ajudado muitas pessoas a transformar seu cachorro mais tranquilo e feliz.

2 Comentários


  1. Que bacana a atitude de vocês! Parabens pelo seu blog 😀

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *